Sinto a sua falta.
Vou deixar você procurar em todas o que você só vai achar em mim
« 8 9 10 11 12 »

Desculpa, ok? Desculpa se eu não dei o meu melhor. Desculpa se eu fui orgulhoso. Desculpa se às vezes que eu te fiz chorar foram maiores do que as que eu te fiz sorrir. Desculpa se eu sempre fui egoísta e procurei fazer o melhor pra mim esquecendo do que era melhor pra ti. Desculpa se eu desisti… Mas não foi só de nós. Eu desisti de mim também. Desculpa se eu desejei tantas vezes nunca ter te conhecido. Desculpa se nunca me mostrei agradecido por todo o bem que você me proporcionou. Desculpa se eu te ignorei quando tu veio atrás, desculpa se eu não li quando você escreveu, não atendi quando você ligou, não respondi quando você mandou mensagem. Desculpa por ser assim. Desculpa se eu fui irritante. E convencido. Desculpa se eu deixei meu medo impedir que algumas coisas acontecessem. Desculpa minha falta de confiança. Desculpa por me afastar do nada. Desculpa por te ignorar de propósito. Desculpa por fazer algumas coisas com a intenção de te machucar. Desculpa pelas crises de ciúme. Desculpa por ser criança e desculpa pelas infantilidades. Desculpa por descontar em você coisas que não tinham nada a ver. Desculpa por te pedir pra esquecer e depois correr atrás te fazendo lembrar. É tarde, mas eu não ligo. Não muda nada, mas mesmo assim… Desculpa por tudo.
~ Vinícius Kretek.    (via inverbos)

“— Hm.
— Dois.
— Três.
Fica de quatro.
~ (via sexflyn)

“Me apaixonar por você? Não foi pensado, não foi planejado. Eu até achei que não gostava de você, mas quando eu vi eu já tava todo caidinho por ti.
~ Because I love you. (via terminar)

“Eu gostei de você porque você é meio ogro, meio doce, você é ogrodoce.”
~ Tati Bernardi. (via repensou)

“Tem eu.
Tem amor.
Tem uma cama.
Só falta você.”
~ Vem ?   (via inevavel)

“Quando eu me afasto, é porque eu quero que você se aproxime.”
~ Tati Bernardi (via promessasvazias)

“Mais moça, você deveria saber que nada dura pra sempre.”
~ Poejos. (via repensou)